ASSISTÊNCIA FISIOTERAPÊUTICA A PACIENTES COM TRAUMATISMO CRÂNIO ENCEFÁLICO (TCE) EM UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA (UTI)

RELATO DE CASO

Autores

  • Rodrigo Jonas de Souza FAESO
  • Rodrigo Zedan FAESO

Palavras-chave:

Traumatismo CRanio Encefálico (TCE), unidade de Terapia Intensiva, Fisioterapia Hospitalar

Resumo

O Traumatismo Crânio Encefálico (TCE) é qualquer agressão ao cérebro, que acarrete lesão anatômica ou comprometimento funcional do crânio e seu conteúdo, meninges, encéfalo e cerebelo. Etiologia as principais causas de vítimas de TCE incluem, nessa ordem, acidentes automobilísticos, quedas, assaltos, agressões e esportes. O presente estudo teve como objetivo apontar alguns aspectos da intervenção fisioterapêutica em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), envolvendo as funções físicas, psicológicas, cognitivas, sociais do paciente e minimizar ao máximo a imobilização do paciente diante de um leito. O tratamento fisioterapêutico para esse tipo de paciente depende do estado clínico em que ele se encontra, porém observou-se que, mesmo parecendo difícil tratar uma pessoa com tantos problemas traumáticos, existem recursos que podemos utilizar para tratá-lo.

Downloads

Publicado

04/24/2022

Como Citar

Jonas de Souza, R., & Zedan, R. . (2022). ASSISTÊNCIA FISIOTERAPÊUTICA A PACIENTES COM TRAUMATISMO CRÂNIO ENCEFÁLICO (TCE) EM UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA (UTI): RELATO DE CASO . Revista Hórus, 8(01), 21–28. Recuperado de https://estacio.periodicoscientificos.com.br/index.php/revistahorus/article/view/1089

Edição

Seção

Artigos